É Show

O Rock in Rio sacudiu a Web. Os canais oficiais do festival exibiram 2,6 mil conteúdos para 60 milhões de usuários nas redes sociais. Além disso, o evento gerou 3,8 milhões de conversas e 467 milhões de impressões internet afora.

Problema

O Ministério da Economia começou a desenvolver uma metodologia para calcular o custo Brasil, ou seja, quanto as empresas pagam a mais para produzir aqui. As contas preliminares apontam que em 2019 ficará entre R$1,3 milhões e R$1,5 trilhão.

Ela Merece

Sempre elegante e gentil, a secretária de Estado de Desenvolvimento Social, Elizabeth Jucá, vai ser homenageada com o título de cidadã honorária. A iniciativa foi do vereador Marlon Siqueira e aprovada por unanimidade.

Diversificando

No país do criolo doido, quatro em cada dez presidentes de grandes empresas que atuam no Brasil admitem que o “curtoprazismo” domina suas agendas. Pressionados pela grave crise econômica dos últimos anos, eles optam por fechar o trimestre no azul em detrimento de tomar decisões estratégicas de médio e longo prazos que potencialmente posicionariam melhor suas empresas para o futuro.

Inovação

A Câmara Municipal de Juiz de Fora está em ritmo de inovação. A pedido dos vereadores Marlon Siqueira, Vagner de Oliveira e Sargento Mello Casal, foi criada a Comissão de Ciência, Tecnologia Inovação e Comunicação. O intuito é absorver as atribuições e as competências da Comissão Especial de Telefone. A nova comissão vai proporcionar mais atuação do Poder Legislativo.

Social

Tendo como cenário a suntuosa casa de festas Prime Hall, em Vitória (ES), a bonita Valentina Policeni Zenkner comemorou seus 15 anos ladeada de amigos e familiares. A belíssima decoração em tons rosa e violeta, o buffet 5 estrelas, o toque refinado de Janine Manhães e Pedro Fraçosa fizeram contraponto para a boa música do DJ Phill Fernandes. As fotos de Arnaldo Peruzo registram.

Família linda com: Isadora Policeni Zenkner, Marcelo Zenkner, Valentina Policeni Zenkner e Jojô Policeni Zenkner

Lucinha Silva, Fábio Tasca, Ariane Murta e Tarcila Policeni

Isadora Policeni Zenkner, Gabriela Zenkner Amaral, Gilda Barbosa, Renato Vasconcellos e Jojô Policeni

As lindezas, Valentina Policeni Zenkner, Bettina Policeni Albuquerque e Tarcila Policeni

Fernanda Falabella, Valentina Policeni Zenkner e Breno Fonseca

Isabela Policeni Zenkner, Carlos Alberto Zenkner e Valentina Policeni Zenkner

Gláucia Policeni, Valentina Policeni Zenkner e Carlos Henrique Zenkner

Maria Clara Weiss, Valentina Policeni Zenkner e Carlos Eduardo Weiss

FOTOSSÍNTESE

Agendando para o dia 13 de novembro, às 20h, no Marcellu’s Aero, a deslumbrante noite Mesas de Natal com renda para a Ascomcer. O coquetel-jantar tem apoio do Marcellu’s recepções e Alug Festas. O bonito convite é assinado pela saudosa artista plástica Therezinha Tortoriello. O tom musical será de Mário Terror e este colunista padrinho do hospital fará cobertura total com irmão Marcílio Gomes.

Professores e estudantes de 25 instituições de ensino de todo o país participaram, em Juiz de Fora, do Ideas for Milk. O evento foi promovido pela Embrapa Gado de Leite, com projetos digitais voltadas a produção leiteira.

Lançado com sucesso no Mr. Tugas, em parceria com Bar do Totonho, a pizza “Torresmo de Minas”. A pizza é preparada com carpaccio de torresmo, alho poró orgânico, mussarela, tomate cereja, crock de torresmo e limão.

Terminando na 3ª feira, 5, a Mostra Estudantil de Arte, em exposição no CCBM, mostrando trabalhos realizados pelos alunos da rede municipal de ensino.

No Forum da Cultura da UFJF brilha a mostra “Brinquedo”, onde estão expostos peças fabricadas com os mais diversos materiais e puro artesanato.

Sem tirar o time de campo, a Banda Balli aposta no audiovisual para promover primeiro EP. Em sintonia com o canal YouTube tem versão ao vivo, covers e documentários.

O JF-Imperadores vai disputar a primeira fase da Copa Ouro, dia 23 de novembro, em Belo Horizonte, enfrentando o Galo FA na final. O horário ainda está por definir.

A linda Iasmin Campos passou e deu aquele alô. Do outro lado da esquina Bruno Viana acenou.

Para interpretar: “Ditadores perseguem artistas porque sabem que eles são porta-vozes dos desejos da população, o que consideram subserversivo, por isso estigmatizam a classe. (Martha Medeiros). Bom dia.

Compartilhe




Receba nossa Newsletter gratuitamente


Digite a palavra e tecle Enter.