Prêmio ‘The Best’ da FIFA ocorre de forma virtual no dia 17 de dezembro

Como havia sido anunciado ainda no mês de agosto, o prêmio ‘The Best’ da FIFA, será realizado de forma virtual, por conta da pandemia do Covid-19, e nesta sexta-feira (20), a entidade máxima do futebol marcou a premiação para o dia 17 de dezembro.

A honraria elege os melhores jogadores da temporada 2019/2020, tanto do futebol masculino, quanto do feminino, e a votação envolve “os capitães e treinadores de todas as equipes nacionais em todo o mundo, uma cédula online de fãs e submissões de um seleto grupo de mais de 200 representantes da mídia” segundo comunicado oficial da FIFA.

Além disso, a entidade destaca que “a retomada segura das competições, graças a uma combinação de trabalho duro e solidariedade em todo o nosso esporte, o futebol tem proporcionado uma rara fonte de conforto e alegria para muitos”.

No futebol masculino, o grande favorito a vencer o prêmio é o polonês Robert Lewandowski. Eleito melhor jogador pela UEFA, o atacante vive grande fase pelo Bayern de Munique, que conquistou tudo o que tinha direito, incluindo a Liga dos Campeões.

Já no lado das mulheres, a dinamarquesa Pernille Harder, do Wolfsburg (ALE), é a favorita para a premiação. Assim como Lewandowski, ela foi eleita a melhor atleta no futebol europeu.

Confira as categorias do prêmio

  • Melhor jogadora
  • Melhor jogador
  • Melhor treinador do futebol feminino
  • Melhor treinador do futebol masculino
  • Melhor goleira
  • Melhor goleiro
  • Fifa FIFPro World 11 masculino
  • Fifa FIFPro World 11 feminino
  • Fair Play
  • Puskás
  • Fan Award

Ganhadores da premiação

O prêmio de melhor jogador da FIFA é dado desde 1991, tendo como maior vencedor o argentino Lionel Messi, com seis premiações. Desde então, 15 jogadores receberam a honraria:

 

  • 1991: Lothar Matthaus (Alemanha)
  • 1992: Marco Van Basten (Holanda)
  • 1993: Roberto Baggio (Itália)
  • 1994: Romário (Brasil)
  • 1995: George Weah (Libéria)
  • 1996: Ronaldo (Brasil)
  • 1997: Ronaldo (Brasil)
  • 1998: Zinedine Zidane (França)
  • 1999: Rivaldo (Brasil)
  • 2000: Zinedine Zidane (França)
  • 2001: Luís Figo (Portugal)
  • 2002: Ronaldo (Brasil)
  • 2003: Zinedine Zidane (França)
  • 2004: Ronaldinho Gaúcho (Brasil)
  • 2005: Ronaldinho Gaúcho (Brasil)
  • 2006: Fabio Cannavaro (Itália)
  • 2007: Kaká (Brasil)
  • 2008: Cristiano Ronaldo (Portugal)
  • 2009: Lionel Messi (Argentina)
  • 2010: Lionel Messi (Argentina)
  • 2011: Lionel Messi (Argentina)
  • 2012: Lionel Messi (Argentina)
  • 2013: Cristiano Ronaldo (Portugal)
  • 2014: Cristiano Ronaldo (Portugal)
  • 2015: Lionel Messi (Argentina)
  • 2016: Cristiano Ronaldo (Portugal)
  • 2017: Cristiano Ronaldo (Portugal)
  • 2018: Luka Modric (Croácia)
  • 2019: Lionel Messi (Argentina)

 

Premiação às mulheres

No ano de 2001, a revista France Football passou a premiar também a melhor jogadora do futebol feminino. A partir de 2016, a honraria passou a ser dada pela FIFA. Até então, dez jogadoras já  ganharam o prêmio de melhor do mundo, incluindo a brasileira Marta com seis conquistas:

 

  • 2001: Mia Hamm (EUA)
  • 2002: Mia Hamm (EUA)
  • 2003: Birgit Prinz (Alemanha)
  • 2004: Birgit Prinz (Alemanha)
  • 2005: Birgit Prinz (Alemanha)
  • 2006: Marta (Brasil)
  • 2007: Marta (Brasil)
  • 2008: Marta (Brasil)
  • 2009: Marta (Brasil)
  • 2010: Marta (Brasil)
  • 2011: Homare Sawa (Japão)
  • 2012: Abby Wambach (EUA)
  • 2013: Nadine Angerer (Alemanha)
  • 2014: Nadine Kessler (Alemanha)
  • 2015: Carli Loyd (EUA)
  • 2016: Carli Loyd (EUA)
  • 2017: Lieke Mertens (Holanda)
  • 2018: Marta (Brasil)
  • 2019: Megan Rapinoe (EUA)

 

Compartilhe




Receba nossa Newsletter gratuitamente


Digite a palavra e tecle Enter.