Homem suspeito de atear fogo em companheira, é preso pela Polícia Civil

Em operação realizada nesta quarta-feira (18), a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG), cumpriu um mandado de prisão, em desfavor de um homem de 41 anos, suspeito de atear fogo em sua companheira, de 24 anos. O crime ocorreu no dia 27 de setembro, após haver discussão entre o casal. O suspeito foi encaminhado ao sistema prisional, permanecendo à disposição da Justiça.

A ação foi realizada pela equipe da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher, com apoio da inspetoria da 1ª Delegacia Regional, na localidade de Toledos, na Zona Rural do município de Juiz de Fora, na Zona da Mata mineira.

De acordo com a Delegada Larissa Marçal, a mãe da vítima procurou a unidade policial, para fazer a denúncia da agressão contra a jovem, informando ainda que a filha de 4 anos, presenciou o ocorrido:

“Ela sofreu queimaduras graves pelo corpo. A vítima foi atendida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e encaminhada ao Hospital de Pronto Socorro Doutor Mozart Teixeira (HPS), onde ficou internada na unidade intensiva vindo a falecer alguns dias depois, em decorrência das lesões sofridas”, explicou, complementando que foram realizados diversos trabalhos investigativos, oitivas e exames periciais que resultaram na representação da delegada pela prisão preventiva do homem.

Compartilhe




Receba nossa Newsletter gratuitamente


Digite a palavra e tecle Enter.