Campeonato Brasileiro está previsto para começar no mês de agosto

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF), se reuniu nessa quinta-feira (25), com os dirigentes dos clubes das Séries A e B do Campeonato Brasileiro, e estipularam o início das competições para os dias 8 (Série B) e 9 de agosto (Série A). Foi determinado também que haverão 38 rodadas e o campeonato terminará em fevereiro de 2021.

Em nota a CBF diz que o retorno do futebol depende da autorização dos órgãos de saúde e 19 clubes concordaram em levar seus jogos para outras cidades, pois nem todos podem conseguir autorização de prefeitura para liberar as partidas:

“O Campeonato Brasileiro da Série A poderá retornar no dia 9 de agosto, domingo. A Série B tem data prevista de recomeço para 8 de agosto.

A decisão foi tomada na noite desta quinta-feira, em reunião convocada pela CBF junto com a Comissão Nacional de Clubes (CNC) com a participação dos 40 clubes disputantes das duas séries.

As datas básicas e o cronograma de retorno foram propostos pelo presidente da CBF, Rogério Caboclo, e apoiados pelos clubes.

O retorno do futebol depende da autorização das autoridades de saúde. Mas, dezenove dos vinte clubes da Série A se dispuseram a jogar fora das suas cidades, em última instância, caso até lá seus municípios não estejam liberados pelas autoridades de saúde a realizar jogos. Foi um sinal de apoio à realização da competição pela CBF.”

A CBF vai marcar as 38 rodadas do Brasileiro e também as partidas da Copa do Brasil – serão dois jogos por semana, exceção ao espaço das datas Fifas, previstas para voltarem em setembro.

Mercado de transferência

Nessa semana, a Diretoria de Registro, Transferência e Licenciamento da CBF se reuniu com os clubes do futebol brasileiro, por videoconferência, sobre a questão da janela de transferência de jogadores. Durante a reunião, foi estabelecido que a abertura da janela foi adiada para o dia 1º de julho. No dia 2, outro encontro online será realizado para tratar da definição de novas datas.

Devidamente autorizada pela FIFA, que abriu para as confederações nacionais a possibilidade de agendamento de novas janelas de transferência, a CBF vai aguardar a definição das datas dos países europeus para organizar o cronograma brasileiro:

“Após ouvir os clubes, definimos, neste primeiro momento, apenas cancelar o início da janela que abriria na próxima semana. Vamos aguardar a divulgação do período das janelas europeias para depois remarcar a data de abertura em relação ao futebol brasileiro. É uma posição que a CBF já havia alinhado junto à FIFA e que os clubes concordaram por unanimidade”, afirma o Diretor de Registro, Transferência e Licenciamento de Clubes, Reynaldo Buzzoni.

Compartilhe




Receba nossa Newsletter gratuitamente


Digite a palavra e tecle Enter.