Noah Bethonico se prepara para competir na Copa de Mundo de Snowboard Cross

Há um ano, Noah Bethônico alcançava a 11ª colocação no snowboard cross em Lausanne 2020, modalidade que fez sua estreia nos Jogos Olímpicos da Juventude, e obteve o melhor resultado da delegação brasileira no evento. Agora, o jovem atleta se prepara para participar da Copa do mundo de Snowboard Cross em Valmalenco, na Itália, de 22 a 24 de janeiro. Para isso, participou de training camp na Áustria entre os dias 19 de novembro e 22 de dezembro de 2020 junto com sua a equipe do International Snowboard Training Center (Centro de Treinamento de Snowboard Internacional), sob a responsabilidade do treinador americano Ross Hindman.

Será a primeira participação de um atleta brasileiro em Copas do Mundo de Snowboard Cross desde Isabel Clark em sua preparação para os Jogos Olímpicos de 2018. O training camp faz parte da preparação para a temporada boreal de Snowboard Cross. Todas as competições de Snowboard Cross na América do Norte foram canceladas devido à pandemia da Covid-19, e o planejamento da temporada tem sido desafiador, com poucas competições ainda confirmadas na Europa e Ásia, com protocolos e restrições sanitárias em vigor para as equipes e os organizadores.

Com o Campeonato Mundial na China cancelado e aguardando uma possível realocação, todos os olhos se voltam para a etapa da Copa do Mundo em Valmalenco (Itália) que segue confirmado para os dias 22 e 24 de janeiro. O treinador da equipe ajustou o planejamento do jovem atleta, que ficaria inicialmente no Estados Unidos ao longo da temporada, para ir à Europa estrear na Copa do Mundo, um passo muito importante na carreira após a ótima participação nos Jogos Olímpicos da Juventude Lausanne em 2020.

“Se eu me concentrar em ter uma boa corrida, no meu resultado, eu acho que tenho uma boa chance de qualificar e de ter uma boa competição, mas também valerá muito pela experiência”, comentou Noah. O jovem atleta está feliz pela sua primeira participação em uma competição de Copa do Mundo “Essa é a minha primeira vez em um mundial, vai ser tudo maior, tudo mais alto, tudo mais rápido, vai ser incrível e eu estou muito feliz, eu só queria estar lá agora”, completou.

Fonte: CBDN

Compartilhe




Receba nossa Newsletter gratuitamente


Digite a palavra e tecle Enter.