PCMG prende nove pessoas envolvidas em organização criminosa

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG), prendeu nove pessoas, entre 18 e 32 anos, por fazerem parte de facção criminosa suspeita de comandar tráfico de drogas na Zona Sudeste de Juiz de Fora, nos Bairros de Lourdes e Tiguera. As apurações duraram seis meses e resultou na apreensão de drogas, aparelhos telefônicos, notas promissórias, a quantia de R$ 3.148, cadernos de anotações que seriam relacionadas ao tráfico e câmeras de vigilância. 

De acordo com o Delegado Rafael Gomes, a ação foi desencadeada, após minucioso trabalho investigativo. Durante o cumprimento de mandados de busca e apreensão, foi preso um homem de 27 anos, suspeito de ser o líder da organização:

“Ele não estava com as drogas na residência dele, no entanto, foi apurado que ele atuaria comandando o esquema criminoso. Contudo, ele foi abordado com um celular, aparelho que ele teria danificado no momento da ação, a fim de encobrir indícios da prática criminosa. Além disso, também foi encontrada grande quantia em dinheiro em notas diversas com o suspeito, característica do tráfico de drogas, bem como apreendidos quatro aparelhos telefônicos, notas promissórias e recibo de veículo”, explicou.

Durante diligências feitas em conjunto por policiais civis da Delegacia Especializada Antidrogas e Investigadores da 1ª Delegacia Regional de Juiz de Fora e do 4º Departamento, foram apreendidos uma porção de maconha e R$ 150,00 na residência de um homem de 30 anos.  Na residência do suspeito de 32 anos, foram localizados um caderno de anotações referentes ao tráfico e a quantia de R$ 1.700. 

Segundo investigações feitas pela PCMG, o autor seria suspeito de ser o responsável por abastecer uma “boca de fumo”, o qual seria operada por um dos indivíduos, que foi abordado com quatro buchas de maconha prontas para a venda, no decorrer da operação. 

Também foram encontrados porções de maconha na residência de três jovens, entre 18 e 24 anos, e um aparelho celular com um suspeito de 21 anos. Já na casa de outro jovem, de 20 anos, os policiais civis apreenderam três pedras de crack, câmeras de vigilância, dois aparelhos celulares, dinheiro e documentos.

Ainda de acordo com a autoridade policial, todos os investigados foram encaminhados à 1ª Delegacia Regional de Juiz de Fora e prestaram depoimento. Em seguida, foram ratificadas as prisões em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico. Eles foram encaminhados ao sistema prisional, permanecendo à disposição da Justiça.

 

 

Compartilhe




Receba nossa Newsletter gratuitamente


Digite a palavra e tecle Enter.