Paulo Wanderley participa do Prêmio Empresário Amigo do Esporte, que homenageia apoiadores de projetos da Lei de Incentivo ao Esporte

O presidente do Comitê Olímpico do Brasil (COB), Paulo Wanderley, participou nesta quarta-feira, dia 11, da 7ª edição do Prêmio Empresário Amigo do Esporte, no auditório da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo – FIESP, na capital paulista. O evento, uma iniciativa da Secretaria Especial do Esporte do Ministério da Cidadania para reforçar a importância da contribuição de pessoas físicas e jurídicas em projetos financiados via Lei de Incentivo ao Esporte, premiou aqueles que mais aportaram recursos em projetos no ano de 2018. Na ocasião, Paulo Wanderley premiou a categoria Amigo do Esporte Educacional.

Paulo Wanderley premiou às empresas vencedoras na categoria Amigo do Esporte Educacional. São elas: Itaú Unibanco (1º lugar); Visa do Brasil Empreendimentos Ltda (2º lugar); e MRS Logística S.A. (3º lugar). Na categoria Pessoa Jurídica, os premiados foram o Itaú Unibanco (1º lugar), o Banco do Brasil (2º lugar), e a Companhia Brasileira de Metalurgia e Mineração (3º lugar).

“Este Prêmio é um reconhecimento público àqueles que têm promovido benefícios para o esporte. Temos dois grandes marcos divisórios no esporte olímpico brasileiro. O primeiro foi a criação da Lei Agnelo Piva e o segundo, a Lei de Incentivo ao Esporte do governo federal. Esses marcos vieram para ficar e são uma oportunidade para agradecer à iniciativa privada o apoio, o aporte destinado ao esporte através das confederações, federações, clubes e atletas. Fico feliz em premiar o Esporte Educacional, um segmento que até bem pouco tempo estava órfão de investimentos. Toda essa iniciativa é fundamental para a base”, conclui o presidente Paulo Wanderley.

A premiação contou com a participação do Ministro da Cidadania, Osmar Terra, do secretário Especial do Esporte, Décio Brasil, do secretário especial adjunto do Esporte, Marco Aurélio Araújo, do secretário nacional de Esporte de Alto Rendimento, Emanuel Rego, do secretário nacional de Futebol e Direitos do Torcedor, Ronaldo Lima, da secretária da Autoridade Brasileira do Controle de Dopagem, Luísa Parente, e do diretor do Departamento de Incentivo e Fomento ao Esporte, Antônio Alcantara.

A premiação foi conduzida pela ex-nadadora olímpica e medalhista Pan-americana indicada para assumir a Secretaria Nacional de Esporte, Educação, Lazer e Inclusão Social (SNELIS), Fabíola Molina, e pelo medalhista olímpico, campeão mundial de ginástica artística e vencedor da edição 2019 do Prêmio Brasil Olímpico, do COB, Arthur Nory. Oito categorias foram premiadas: Pessoa Física; Pessoa Jurídica; Esporte de Rendimento; Esporte de Participação; Esporte Educacional; Melhor Amigo do Esporte, Melhor Amigo da Federação e uma premiação por Unidades da Federação.

 

Fonte: COB

Compartilhe




Receba nossa Newsletter gratuitamente


Digite a palavra e tecle Enter.