“Jogos da Terceira Idade” premia atletas

Nessa semana aconteceram as finais do voleibol e do boliche adaptado nos “12º Jogos Interativos da Terceira Idade”. Com torcida e muita festa, o voleibol abriu a tarde de jogos. Em partidas animadas, a rodada começou com a semifinal e, em seguida, a final, quando a equipe da Associação Atlética Banco do Brasil (AABB) 2 venceu o Serviço Social do Comércio (Sesc), e foi a campeã da categoria.

No boliche adaptado não foi diferente. Em três jogos simultâneos, as partidas aconteceram com muita animação, tanto dos jogadores quanto da numerosa torcida na arquibancada. Na final, quem levou a melhor foi também a equipe da AABB, que venceu o Sesc, tornando-se campeã da modalidade. Aos 64 anos, Ivo Bandeira, atleta da AABB, participou de quase todas as modalidades, e foi um dos maiores vencedores desta edição: “É uma excelente iniciativa da Prefeitura, pois em Juiz de Fora temos 14% da população acima de 60 anos, enquanto a média das cidades é de 11%. Então, somos 81 mil pessoas idosas na nossa cidade. Esses jogos são um incentivo para todos nós. Aqui mesmo tem uma senhora disputando, com cem anos de idade.” Ela é a Nair da Silva, atleta do Centro de Convivência do Idoso, da Secretaria de Desenvolvimento Social (SDS) da Prefeitura de Juiz de Fora (PJF): “Os cem anos e cinco meses não são empecilhos. Não ligo se perder ou ganhar, quero é participar. Gosto de jogar, quero me divertir. Já fiz um monte de amizade por causa disso.” Ela foi homenageada no evento de encerramento, por ser a atleta mais velha.

De acordo com o supervisor dos “Jogos Interativos da Terceira Idade”, Wellison Ferigatto, “o que fica é o gostinho da função cumprida, e logo a saudade começa bater. Não temos como agradecer a todos por mais um ‘Jogos da Terceira Idade’ realizado. Isso é fruto do trabalho conjunto.”

“Jogos da Terceira Idade”
Organizado pela PJF, através da Secretaria de Esporte e Lazer (SEL), com parceria do Sesc, os jogos têm como objetivo promover socialização entre os idosos com idade superior a 59 anos, formalizando sua participação em atividades esportivas. Neste ano, o evento contou com o apoio do Núcleo de Reabilitação Ortopédica de Juiz de Fora (Ortojuf) e Instituto Metodista Granbery, e teve a participação de 160 pessoas em mais de 120 competições e 40 horas de jogos.

 

Fonte: Assessoria

Compartilhe




Receba nossa Newsletter gratuitamente


Digite a palavra e tecle Enter.