Aos jovens que querem tornar-se verdadeiramente fortes

Aos jovens que querem tornar-se verdadeiramente fortes

É realmente lamentável que muitos jovens, desde o ponto de partida de sua jornada da vida, estejam tomando a direção errada, a do fracasso e da derrota. Está lhes faltando a firmeza de espírito para vencer as tentações. Devido a um conceito primitivo segundo o qual o corpo carnal é o próprio ser humano, não conseguem conscientizar que seu corpo físico não passa de uma cavalgadura que eles próprios devem guiar; consequentemente, deixam-se arrastar por instintos animalescos e acabam por se distanciar da natureza espiritual do autêntico ser humano.
A maioria desses jovens não ouve os reclamos do maravilhoso e sublime espírito e sucumbe a todas as tentações físicas e materiais, sem nenhuma resistência. Com o fito de enriquecer rapidamente, decai no mercenarismo que nada tem a ver com a elevação espiritual, e não se envergonha disso; ou então deixa-se viciar por tudo quanto é jogo de azar e não obtém coisa alguma além da degradação de seu próprio caráter. É realmente lastimável. Esses jovens não têm personalidade firme e independente, nem vontade própria para manter a dignidade.
Tanto os prazeres físicos como a abundância material não são, em absoluto, algo que deva ser rejeitado, contanto que venham por si mesmos como reflexo da alegria da alma, ou venham atraídos pela riqueza do próprio espírito. Porém, na maioria das vezes, o prazer e a riqueza não passam de “mensageiros do inferno” extremamente astutos, os quais, disfarçados com belas máscaras, atraem a alma humana para o “inferno”. Empregando um termo que os expresse de forma personificada, podemos chamá-los “Satanás”. Eles seduzem os homens com doces palavras, prometendo-lhes toda a glória do mundo. Mas, na verdade, essa glória não passa de miragem. E assim, a sedução pela miragem e a posterior desilusão fazem com que muitas pessoas despenquem para o degenerado mundo das drogas. Somente aqueles que têm espírito forte e firme são capazes de vencer as tentações, repetindo as mesmas palavras ditas por Jesus Cristo: “Retira-te, Satanás, porque está escrito: ao Senhor teu Deus adorarás, e só a ele darás culto”.
O “Senhor teu Deus” é a natureza divina autônoma e independente que existe dentro de todo ser humano, constituindo o seu verdadeiro Eu. Somente as pessoas leais ao seu verdadeiro Eu são realmente fortes. Aqueles que sucumbem aos desejos do corpo e, tornando-se seus escravos, vivem a perseguir os prazeres e a opulência são pessoas fracas.
Jovens, não sejam fracos. Sejam verdadeiramente fortes!

Compartilhe




Receba nossa Newsletter gratuitamente


Digite a palavra e tecle Enter.