Polícia Civil prende em Juiz de Fora foragido da Justiça do estado do Maranhão

Na manhã desta segunda-feira, 19, a Polícia Civil de Juiz de Fora informou sobre a prisão de um homem de 33 anos, foragido da Justiça do estado do Maranhão desde o ano de 2014, que ocorreu na última sexta-feira, 16, durante uma ação ocorreu em conjunto entre as Polícias Civil dos estados.

De acordo com as informações da assessoria, ele é suspeito de estuprar, estrangular e esfaquear uma mulher em dezembro de 2014 na cidade de Santa Quitéria, no Maranhão.  Segundo o Delegado responsável pela ação, Rafael Gomes, “Ele é suspeito de ter estuprado e esganado a vítima, uma mulher, em 5 de dezembro de 2014. Ele também teria desferido 22 facadas nela, que teve a cabeça degolada”, explicou.

Após a troca de informações entre as Polícias e levantamentos realizados, foi possível localizar o suspeito no bairro Santa Luzia, com as malas prontas para partir para outro lugar. “Durante todos esses anos, a Polícia Civil daquele estado não parou de procurar o suspeito, que teria passado por outros estados, entre eles, Rio de Janeiro e Ceará. Sempre que ele desconfiava, conseguia fugir, no entanto, durante nova tentativa de fuga, conseguimos localizá-lo. Ele estava trabalhando como barman na Zona Sul de Juiz de Fora, mas foi encontrado em Santa Luzia”, disse o delegado.

Ainda de acordo com a autoridade policial, ele confessou a prática do crime e foi conduzido ao sistema prisional, onde permanece à disposição da Justiça.

Compartilhe




Receba nossa Newsletter gratuitamente


Digite a palavra e tecle Enter.