Flamengo bate LDU e assume liderança do Grupo D

Com gols marcados por Éverton Ribeiro, Gabigol e Uribe, o Flamengo derrotou a LDU, do Equador, por 3 a 1, em partida disputada na noite desta quarta-feira, no Maracanã, pela segunda rodada da Taça Libertadores. O resultado fez a equipe da Gávea assumir a liderança do Grupo D com seis pontos ganhos, enquanto o time equatoriano ficou na segunda colocação com três pontos ganhos.

O goleiro Diego Alves defendeu uma cobrança de pênalti no final do primeiro tempo, quando o placar marcava 1 a 0 para a sua equipe, mas não conseguiu evitar o gol de Martinez em outro pênalti marcado a favor da LDU quando o jogo se aproximava do final.

O resultado fez justiça ao que aconteceu durante os 90 minutos. O Flamengo foi melhor desde o primeiro minuto e só não alcançou um resultado mais ainda expressivo por causa da grande atuação do goleiro Gabbarini que fez grandes defesas. A LDU entrou em campo com o objetivo de apenas se defender e tentar surpreender o Flamengo nos contra-ataques, mas não conseguiu seu objetivo e poucas vezes conseguiu dar trabalho ao goleiro rubro-negro.

Na próxima rodada, o Flamengo vai receber o Peñarol, do Uruguai, no Maracanã. A LDU vai encarar o São José, em Oruro.

Apoiado por grande torcida, o Flamengo iniciou a partida tentando sufocar o adversário. Com posse de bola, o time dirigido por Abel Braga foi empurrando o adversário para trás e, logo aos oito minutos, marcou o primeiro gol. Renê investiu pela esquerda e lançou Diego. O meia observou a penetração de Éverton Ribeiro que recebeu a bola e tocou para as redes de Gabbarini.

O time equatoriano não conseguia sair do seu campo defensivo e só aos 13 minutos é que tentou uma investida, mas Willian Arão desarmou Aguirre e acabou com o ataque da LDU.

Aos 17 minutos, o Flamengo quase ampliou a vantagem. Éverton Ribeiro bateu falta, Bruno Henrique cabeceou forte e Gabbarini fez grande defesa. Dois minutos depois, Pará cruzou e Willian Arão cabeceou com perigo, mas a bola encobriu o travessão do goleiro equatoriano.

Depois dos 20 minutos, o Flamengo diminuiu o ritmo, mas seguiu com o controle da partida. Aos 25 minutos, Rodrigo Caio avançou sem marcação e lançou Éverton Ribeiro. O cruzamento do atacante encontrou Diego livre na pequena área, mas o meia bateu para fora, desperdiçando uma grande oportunidade.

O Rubro-negro da Gávea seguiu perdendo oportunidades. Aos 29 minutos foi a vez de Gabigol que recebeu na área e chutou. O goleiro Gabbarini deu rebote e Gabigol bateu por cima do travessão, quando o goleiro da LDU estava fora da jogada.

A equipe equatoriana encontrava dificuldades para trocar passes e não conseguia chegar na área do time carioca em função da forte marcação exercida sobre o Flamengo que sempre recuperava a bola, antes de sofrer qualquer ameaça.

No seu primeiro ataque perigoso, aos 43 minutos, a LDU teve a chance de marcar o gol do empate quando Vega foi derrubado por Diego na área. Intriago bateu no canto direito e Diego Alves fez grande defesa, mantendo o Flamengo na frente.

O Flamengo voltou para o segundo tempo com a mesma disposição ofensiva, pressionando em busca do segundo gol. Aos dez minutos, Éverton Ribeiro fez grande lançamento para Bruno Henrique, mas o atacante não conseguiu dominar a bola que ficou nas mãos do goleiro Gabbarini.

Aos 14 minutos, o goleiro da LDU voltou a aparecer bem para defender parcialmente um chute forte de Willian Arão e ainda chegou antes de Renê que tentava apanhar o rebote.

O time da Gávea seguia comandando as ações, embora com menos intensidade do que a demonstrada no primeiro tempo. A LDU seguia concentrada na defesa e não conseguia se organizar no campo de ataque.

Aos 23 minutos, o time dirigido por Abel Braga ampliou a vantagem. Éverton Ribeiro fez ótimo lançamento para Bruno Henrique que apenas escorou para a conclusão certeira de Gabigol.

O Flamengo poderia ter marcado o terceiro gol aos 26 minutos, mas Gabigol furou na área após receber ótimo passe, de cabeça, de Willian Arão.

Aos 36 minutos, logo depois de entrar na vaga de Bruno Henrique, Uribe marcou o terceiro gol, no seu primeiro toque na bola, após receber passe de Willian Arão.

A LDU só voltou a aparecer na área brasileira aos 42 minutos. Quinteros cruzou da direita, Willian Arão se atrapalhou ao tentar cortar e desviou para o seu gol, mas Diego Alves estava atento e evitou o primeiro gol dos visitantes.
O lateral peruano Trauco entrou no lugar de Renê e, numa das primeiras intervenções, cometeu pênalti sobre Nico Freire. Aos 45 minutos, Martinez bateu e não deu chance para Diego Alves, definindo o resultado da partida.

Fonte: Gazeta Press

Compartilhe




Receba nossa Newsletter gratuitamente



Digite a palavra e tecle Enter.